.

.

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Gazeta/Faisqueira: Cajazeiras vive epidemia de calazar

Mas…1 - As manifestações de apoio para a construção do IML, numa campanha empreendida por entidades representativas da sociedade civil organizada, tem recebido a adesão de muitas pessoas, mas a maioria tem sempre feito uma observação: vou colaborar, mas esta obra é uma “obrigação” do governo do estado.

Mas…2 - Outra observação importante tem sido em torno da prestação de contas dos recursos arrecadados e é merecedor de uma importante observação feita por um cidadão: ela tem que ser igual a mulher casada, além de ser honesta, tem que parecer. Todos os envolvidos caminham nesta direção.

Rabecão 1 - Um simples rabecão quebrado, nos últimos dias, fez um estrago considerável na imagem do governo do estado. A quebra deste veiculo não permitiu o resgate do corpo de um jovem de 17 anos, que foi assassinado numa das ruas da zona norte da cidade de Cajazeiras, que sob o clamor da família, depois de quase seis horas, mandaram vir o de Catolé do Rocha.

Rabecão 2 - Após uma semana o mesmo fato se repetiu com dois jovens mortos em um acidente de moto na estrada de São José de Piranhas e o rabecão só apareceu para levar os corpos para o IML de Patos, depois que a família ameaçou, por conta própria conduzi-los e diante da incúria o povo só via um culpado, que não eram os responsáveis por este setor nesta região, mas o próprio governador.

Rabecão 3 - Na cidade de Cajazeiras existe um determinado grupo que vive exclusivamente para “vigiar” os atos políticos contrários ao governo e sob qualquer pretexto enviam mensagens ao governador Ricardo Coutinho o comunicando, mas será que esta gente teria o notificado a respeito destes dois fatos ou até mesmo que o rabecão estava quebrado e isto estaria prejudicando a imagem do governo?

Preocupação - Comenta-se que alguns itens da delação premiada de Justino, o cidadão da Operação Andaime, que mais tempo passou preso, teria chegado aos ouvidos de alguns entes políticos da região e esta noticia estaria tirando o sono deles e que estariam dormindo a custa de muito remédio.

Preocupação 2 - Um destes agentes politico teria também comentado com pessoas de seu círculo de amizade, no dia da prisão do senador Delcídio, líder do governo da Presidente Dilma no Senado: “vai ser extremamente difícil ser politico nos dias atuais”.

Vituriano de Abreu 1 - A cada dia que passa o ex-deputado estadual Antonio Vituriano de Abreu vem fazendo articulações na cidade de Cajazeiras, a exemplo da eleição do Diretório do PMDB da cidade e alguns amigos dele tem defendido a sua indicação para presidir o partido.

Vituriano de Abreu 2 - Vituriano, muito embora venha negando, vai se engajar sim nas eleições municipais de 2016 e tem um grupo que vem defendendo o seu nome como candidato a vice-prefeito de José Aldemir, com apoio dos aliados e amigos de ambos. Quem viver verá?

Amadores - Um grande amigo do ex-prefeito Carlos Antonio, em conversas de bastidores, afirmou: “o Dr. Carlos só está passando por situações vexatórias em suas prestações de conta porque quase todos os seus auxiliares não entendiam bulhufas de contabilidade pública e não conheciam absolutamente de nada do que faziam e pensavam que com um pedaço de papel e uma nota fiscal estava tudo em ordem”.

Amadores 2 - E foi mais além nas suas observações: “no governo da Dra Denise isto não vai acontecer de forma nenhuma, porque ela não abre mão de fazer como manda a lei, basta ver que na operação andaime, nada respingou sobre ela”.


Gazeta do Alto Piranhas
Edição (27/11/2015)