...

...

sexta-feira, 24 de março de 2017

Ministro da Saúde recebe prefeito de Cajazeiras em audiência em Brasília

Na última quinta-feira (23), o deputado federal e líder do governo na Câmara, Aguinaldo Ribeiro, acompanhou os prefeitos José Aldemir, da cidade de Cajazeiras e Vital Costa do Município de Araruna em audiência com o Ministro da Saúde, Ricardo Barros.

Durante a reunião, os prefeitos solicitaram melhorias na questão da Saúde nos referidos municípios e agilização na liberação de recursos para a área.

O prefeito José Aldemir solicitou a implantação de um Centro de Diagnóstico e Imagem e ambulâncias para Cajazeiras, já Vital Costa requereu ambulâncias, unidade móvel, mais médicos para atender de maneira eficaz a população do município, um Centro e Reabilitação auditiva e Motora, além da implantação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

O deputado Aguinaldo Ribeiro, entende que os pleitos são indispensáveis para o bom funcionamento da saúde pública nas duas cidades e declarou que as demandas estão na lista de prioridades do seu mandato.

"Tivemos uma audiência muito boa, o ministro Ricardo Barros como sempre muito solícito aos nossos pedidos, aos problemas da nossa Paraíba, então vou acompanhar todo o processo de perto, as demandas debatidas hoje e acredito que em breve Araruna e Cajazeiras já poderão contar com mais esses benefícios" declarou.



Assessoria

quinta-feira, 23 de março de 2017

Partido de Marina Silva receberá novas filiações em plenária que acontece na Câmara Municipal de Bayeux

A Rede Sustentabilidade, partido idealizado e comandado pela ex-senadora Marina Silva - realizará no próximo sábado (25), na Câmara Municipal de Bayeux a partir das 15hs00, importante plenária e ministração de curso de formação política com a presença do ex-candidato a prefeito de Natal/RN, Freitas Junior – que é o Porta-Voz da Rede, naquele estado.  

A referida plenária será presidida pelo Porta-Voz no Estado da Paraíba, Gerson Vasconcelos. De acordo com a organização do evento, serão recebidas novas filiações de lideranças políticas da região metropolitana de João Pessoa. “Este momento será de grande importância para aqueles que simpatizam com a Rede Sustentabilidade e, para aqueles que acreditam na construção de uma nova forma de fazer política, mas que encontra nesta ferramenta, a descrença da classe e comportamento dúbio de grande parte dos agentes políticos, principalmente nestes últimos dias de vergonhosos fatos - amplamente divulgados pela grande mídia no cenário político nacional”, ressaltou Gerson.

Nesta plenária, a Rede estará abonando a filiação lideranças que tem como objetivo lançar candidaturas nas próximas eleições, tanto a deputado estadual quanto a deputado federal. Estão confirmadas, as presenças de filiados e mobilizadores das cidades de João Pessoa, Bayeux, Conde, Santa Rita, Baía da Traição e Cruz do Espirito Santo.

A Rede Sustentabilidade com sua maneira transparente para ouvir e dialogar sobre os problemas e questões que envolvem os cidadãos brasileiros - tem atraído figuras políticas sérias no cenário nacional. Lideranças como a ex-senadora Heloísa Helena (AL), o senador Randolfe Rodrigues (AP), os deputados federais pelo Estado do Rio de Janeiro, Alessandro Molon e Miro Teixeira, entre outros homens sérios estão buscando a Rede.



Coordenação de Comunicação - Rede/PB

Lira se reúne com presidente da CEF para tratar da abertura de agências em cidades da Paraíba

O Senador Raimundo Lira (PMDB-PB) teve uma reunião de trabalho esta semana com o Presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi. O objetivo foi tratar da ampliação da atuação da CEF na Paraíba, através da abertura de agências bancárias nas cidades de Cacimba de Dentro e Conde.
Raimundo Lira lembrou ao Presidente que as duas cidades necessitam da presença da CEF, para agilizar a vida dos moradores e promover o desenvolvimento local. “Cacimba de Dentro é uma cidade que polariza uma região e precisa da presença Caixa Econômica para dar suporte às suas atividades econômicas”, disse ele.
No caso do Conde, Lira destacou o caráter turístico da cidade e sua importância para o desenvolvimento do Litoral Sul da Paraíba. “É uma cidade turística, recebe muitos visitantes, da Paraíba e de outros estados, e, igualmente, precisa de uma agência”.
O Presidente Gilberto Occhi garantiu ao Senador que o Superintendente da Caixa Econômica na Paraíba, Marcos Vinicius, vai procurar os prefeitos Nelinho Costa, de Cacimba de Dentro; e Márcia Lucena, do Conde para tratar do assunto.
Ao final, o Senador mostrou-se satisfeito com a reunião de trabalho. “É assim que nós fazemos, sempre pensando no desenvolvimento, na melhoria da qualidade de vida dos municípios paraibanos. Eu sempre tenho dito que a população reside nos municípios e que, portanto, precisa receber o suporte necessário do setor público para que moradores, comerciantes, empreendedores, permaneçam em suas cidades”, disse ele.

Assessoria

Deputado Jeová Campos acha exagero abertura de procedimento investigativo sobre evento da visita de Lula à Paraíba

Idealizador da vinda do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva à Paraíba e um dos mais entusiastas participantes do ato popular que aconteceu na cidade de Monteiro, domingo passado, o deputado estadual Jeová Campos (PSB) acha que o Ministério Público Federal (MPF) deveria se incomodar com coisas mais sérias deste país. “Não vejo razão para abrir uma investigação, pois enxergo um exagero querer tratar um ato político, de iniciativa do povo brasileiro, como propaganda eleitoral antecipada. Ai eu pergunto? Ninguém mais pode se manifestar neste país? O Ministério Púbico quer fazer outra Constituição?”, indagou o parlamentar, na manhã desta quinta-feira (23), em resposta a pergunta de jornalistas sobre a ação do MPF.

O Ato de Monteiro, segundo o deputado, foi um manifesto do povo que foi às ruas, espontaneamente, abraçar seu líder maior. “Queira o MP ou não queira, os partidos adversários ou quem é contrário a Lula,  é fato que não existe uma pessoa no Brasil que tem mais cheiro do povo do que Lula, filho do povo, que sabe o que é andar com lata de água na cabeça e que quando foi presidente governou para as minorias, possibilitou que o negro tivesse escola, o índio tivesse reconhecimento, os quilombolas espaço nas universidades. E foi essa minoria que eu vi massiçamente no último domingo, em Monteiro”, destacou Jeová.

Na opinião do parlamentar, o Ministério Público no Brasil tem que começar a pensar mais no país e não apenas nos holofotes que suas ações podem render. “Lula não poder falar o que ele falou é uma censura. Esse país não pode admitir censura. A liberdade de pensamento e a liberdade de expressão são princípios fundamentais da Constituição de 1988. Acho que isso é alguém querendo holofote ou então com muito medo de uma candidatura em 2018”, finaliza o parlamentar.


Assessoria

Por 231 a 188, Câmara aprova projeto de terceirização irrestrita

PL 4.302, que regulamenta a terceirização, foi aprovado na noite desta quarta-feira, 22, e segue para sanção de Michel Temer

O Plenário da Câmara aprovou na noite desta quarta-feira, 22, o Projeto de Lei 4.302/1998, que propõe a terceirização para todas as atividades das empresas. Apesar do protesto da oposição, o texto teve votação favorável de 231 deputados, 188 contra e 8 abstenções.
O projeto, que já havia sido aprovado pelo Senado, segue para sanção de Michel Temer, que é favorável à terceirização. Confira o que muda com a aprovação do projeto, criado em 1998, que prevê a contratação de serviço terceirizado para qualquer tipo de atividade de uma empresa. (Com informações do G1)
  • A terceirização poderá ser aplicada a qualquer atividade da empresa. Por exemplo: uma escola poderá terceirizar faxineiros (atividade-meio) e professores (atividade-fim).
  • A empresa terceirizada será responsável por contratar, remunerar e dirigir os trabalhadores.
  • A empresa contratante deverá garantir segurança, higiene e salubridade dos trabalhadores terceirizados.
  • O tempo de duração do trabalho temporário passa de até três meses para até 180 dias, consecutivos ou não.
  • Após o término do contrato, o trabalhador temporário só poderá prestar novamente o mesmo tipo de serviço à empresa após esperar três meses.
Para saber mais sobre o projeto de terceirização, confira a matéria completa no G1. 

Rômulo pede que prazo para renegociação de dívidas de agricultores seja estendido

O deputado federal Rômulo Gouveia (PSD) solicitou ao Governo Federal que amplie os prazos para a renegociação de débitos de produtores rurais do Norte e Nordeste. O deputado fez o registro na tribuna da Câmara, na última quarta (22), e participou de um encontro da bancada nordestina com integrantes do Governo.

Gouveia pede que os prazos da Lei 13.340/2016, que atende agricultores com débitos com o Banco do Nordeste até 31 de dezembro de 2011, seja estendido, aos agricultores que contraíram empréstimos nos anos de 2012 até 2016 devido a sequência da seca que prejudica o setor.

Pela manhã, o tema foi posto em discussão durante uma reunião da bancada do Nordeste com o diretor financeiro e de crédito do Banco do Nordeste, Romildo Carneiro Rolim; superintendente de Sudene, Marcelo Neves e o secretário-adjunto de Política Agrícola e Meio Ambiente do Ministério da Fazenda, Ivandré Montiel da Silva.

A medida prevê descontos de até 95% para quem quiser quitar o débito em financiamentos. Além de produtores do Norte e do Nordeste, também fazem parte do pacote produtores rurais do norte de Minas Gerais e norte do Espírito Santo, na área de atuação da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene).

O maior percentual de desconto – 95% - vale para a quitação empréstimos no limite de R$ 15 mil contratados até 31 de dezembro de 2006 em regiões do semiárido e no norte do Espírito Santo e de Minas Gerais, do Vale do Jequitinhonha e do Vale do Mucuri.

Nas demais áreas de atuação da Sudene e da Superintendência de Desenvolvimento da Amazônia (Sudam) o percentual é de 85%. Esta é a primeira vez que a região Norte é beneficiada com renegociação de dívidas com desconto.


Assessoria

PRF realiza primeiro leilão de sucatas de 2017

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizará dia 06 de abril o primeiro leilão de sucatas do ano de 2017. O evento terá início às 10h, e acontecerá na sede da Leiloes PB, localizada na Rodovia BR 230, Km 37,5 – Tibiri 2 – Santa Rita-PB. A maior parte dos veículos é composta por sucatas de motocicletas. Diferente dos últimos leilões promovidos pela PRF, nesta edição só poderão participar sucateiros profissionais.

Neste leilão serão disponibilizados 837 veículos, que estarão prontos para serem arrematados como sucatas aproveitáveis. Os participantes deverão ser proprietários de oficinas de desmanche e revenda de peças com CNPJ e certificado comprobatório desta atividade registrado junto aos Detrans. O procedimento será na modalidade presencial e on-line.

Os interessados podem visualizar os lotes no site da empresa contratada (www.leiloespb.com.br), assim como obter mais informações. Para verificar o estado dos veículos (sucatas) pessoalmente, os interessados podem fazer visitação dos lotes entre os dias 27 de março e 05 de abril, das 9h às 17h. Eles estão distribuídos nos pátios dos postos da PRF. Para participar do certame os compradores devem realizar um cadastro prévio no site do leiloeiro ou formalizar o interesse no dia e local onde será executado o leilão.



Assessoria

quarta-feira, 22 de março de 2017

Atlético terá o retorno de três atletas para o jogo diante do CSP


Para o jogo decisivo diante do CSP, o Atlético de Cajazeiras contará com o retorno de três atletas importantes que já atuaram por várias partidas como titular.

O volante Charles Vagner que retorna a equipe após se recuperar de um desconforto na coxa direita, e os atacantes Duílio e Aléf. Esses atletas já treinaram forte nesta última terça-feira á tarde em "Pitombeira" e, dará sequencia a preparação de forma intensiva, durante a semana para ficar à disposição no jogo de domingo (26) diante do CSP, que é encarado pela equipe como uma decisão.

O elenco realiza mais um trabalho na tarde desta quarta-feira (22) no campo de "Pitombeira" em Cachoeira dos Índios. O "Trovão Azul" é o 6º colocado com (18) pontos no Campeonato Estadual. Porém, está apenas a um ponto do 4º colocado que é o Treze com (19) pontos. 



Futebol Total Aqui

“Vulcão” aparece em propriedade de sitiante na zona rural de Maranguape no Ceará

Um fenômeno natural muito parecido com um mini vulcão apareceu em um sitio na cidade de Maranguape-Ceará.

Os moradores ainda não sabem exatamente do que se trata, a pequena fenda esta “cuspindo” água quente  e muita fumaça.

Nunca houve algo igual na cidade e por isso os moradores estão assutados.
O dono do sitio informou que irá chamar especialistas no caso para verificar a terra e tentar descobrir o que se trata tal fenômeno.

segundo informações a atividade de uma empresa na extração de pedras no local onde fica o suposto vulcão o que  pode ter acordado o mesmo. Em uma matéria até diz que os moradores do lugarejo entraram com um pedido na justiça, para que as atividades da empresa sejam barradas.
Somente na Região Metropolitana de Fortaleza, foram mapeados dez resquícios de cones vulcânicos, estruturas condutoras de magma deixadas há cerca de 30 milhões de anos e isso também pode haver em outras cidades próximas como  é o caso de Maranguape, cidade vizinha de Fortaleza.


http://viporaiposteiporaqui.com

Prefeito José Aldemir se reúne com SINFUMC e servidores para ouvir reivindicações sobre o PCCR

O prefeito José Aldemir Meireles (PP), recebeu na tarde da última segunda-feira (20), em seu gabinete com servidores de várias categorias – onde os mesmos reivindicavam o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR). Atualmente, os servidores do Fisco, Magistério, SCtrans e Saúde dispõe de PCCR e a luta é para se conquistar o benefício para as demais categorias do serviço público.

“O que eu puder fazer para atender aos anseios dos servidores e suas reivindicações, eu farei“, disse o chefe do executivo cajazeirense. Ainda de acordo com José Aldemir – será necessário uma ampla discussão sobre o tema e que venha obedecer ao percentual da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Eu proponho, que possa ser formada uma comissão, composta por (quatro) pessoas: Procurador, Secretário de Administração, Controladoria e Fazenda Pública”. “Já o SINFUMC fica na responsabilidade de formar uma Comissão Técnica, para aprofundar o assunto e, dessa maneira – encontrar uma solução plausível, para a administração atender as reivindicações dos servidores públicos de Cajazeiras de forma que possa se adequar à legislação vigente, ou a lei orçamentária“, ressaltou o prefeito.

José Aldemir lembrou ainda, quando foi deputado federal participou como membro de uma Comissão Parlamentar. “Fui deputado federal e fui membro de uma Comissão que tratava de assuntos relacionados ao PCCR, o servidor público é a célula mais importante das esferas municipal, estadual e federal. Estou prefeito do Município de Cajazeiras e entendo ser de suma importância que exista uma discussão de toda classe e, categoria e da própria população”, finalizou.

O prefeito ainda recebeu representantes dos servidores da saúde que reivindicam a implantação nos seus contracheques do Plano Cargo Carreira e Remuneração, que foi modificado pela gestão anterior aprovando em lei a data base para 1º de março. O prefeito de imediato determinou que fosse feito os procedimentos necessários pela equipe técnica financeira da prefeitura, no sentido de analisar em caráter de urgência a viabilidade legal, baseada na LDO, para o cumprimento da referida lei que beneficia os funcionários da área de saúde.



SECOM-CZ

Temer recua e exclui servidores estaduais da reforma da Previdência

O presidente fez anúncio no Planalto após reunião com lideranças partidárias do Congresso. 'Surgiu com grande força [na reunião] a ideia de que deveríamos obedecer à autonomia dos estados', disse.

O presidente Michel Temer anunciou na última terça-feira (21) que a reforma da Previdência atingirá somente servidores federais e trabalhadores do setor privado. Segundo ele, a reforma das previdências estaduais ficará a cargo dos governos dos estados.

Após reunião no Palácio do Planalto, ele fez o anúncio ao lado de ministros; do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ); dos líderes do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), e na Câmara, Aguinaldo Ribeiro (PP-PB); e de deputados, entre os quais Carlos Marun (PMDB-MS) e Arthur Maia (PPS), presidente e relator, respectivamente, da Comissão Especial da Reforma da Previdência.

A exclusão dos servidores estaduais foi à primeira concessão do governo em relação a mudanças na reforma da Previdência. Integrantes da equipe econômica do governo vêm defendendo a aprovação do projeto no Congresso sem alterações.

"Surgiu com grande força [na reunião] a ideia de que deveríamos obedecer à autonomia dos estados", disse Temer, após reunião com líderes partidários no Palácio do Planalto. "Reforma da Previdência é para os servidores federais", declarou.

O projeto de reforma da Previdência atualmente em tramitação na Câmara só exclui militares das Forças Armadas, bombeiros e policiais militares.
De acordo com o presidente, vários estados já começaram a reformular a Previdência estadual.

"Seria uma invasão de competência, que não queremos levar adiante", afirmou. "Sendo assim, funcionários estaduais dependerão da manifestação do seu governo estadual ou governo municipal", complementou.

"Estou passando ao relator [Arthur Maia] e ao presidente da comissão [Carlos Marun] que logo no dia de amanhã [quarta, 22] todos transmitirão aos membros da comissão que a partir de agora trabalharão com uma previdência voltada para os servidores federais", afirmou Temer.

Ao encerrar a fala, Temer deixou o Salão Leste do Palácio do Planalto, local do pronunciamento, sem responder a perguntas. Jornalistas gritaram, indagando se o anúncio era uma "derrota" da equipe econômica, mas o presidente ignorou a pergunta.

Pela manhã, durante discurso em um evento voltado a empresários, Temer afirmou que o governo conseguirá aprovar a proposta no Congresso mesmo que com “uma ou outra adequação”.

“O Congresso Nacional é o senhor dessa matéria agora. Até porque ela será, virá à luz, por uma emenda à Constituição, que depende apenas da atuação do Congresso Nacional. Mas nós vamos aprová-la. Vamos aprová-la com uma ou outra adequação, quem sabe, mas vamos aprová-la”, declarou.

Impacto 'zero', diz ministro.

Após participar na Câmara de audiência pública da Comissão Especial de Reforma da Previdência, o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, afirmou que o anúncio da exclusão dos servidores estaduais da reforma tem impacto "zero" para as contas do governo federal.

"Não tem impacto para o governo federal. Impacto é zero. Não há nenhum impacto para as contas do governo federal. Na verdade, o governo federal tinha a pretensão de, digamos, incluir isso na reforma para contribuir no ajuste dos estados. Entretanto, o entendimento é que os estados têm condições de fazer isso diretamente. Não tem necessidade de inclusão", afirmou o ministro.

Câmara

Depois do anúncio de Temer, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, afirmou que a decisão do presidente vai "facilitar muito" a aprovação da reforma da Previdência. Ele pretende concluir a votação da reforma ainda no primeiro semestre deste ano.

"Vai facilitar muito a aprovação porque vai retirar 70% da pressão que estava sendo recebida", afirmou o presidente da Câmara, Rodrigo Maia. "Vivemos em um estado federado e cada ente tem a prerrogativa para fazer ou não a sua reforma. Espírito Santo e Santa Catarina já fizeram", declarou.

No momento do pronunciamento do presidente, a Comissão Especial da Reforma da Previdência estava reunida em uma sessão na Câmara. O deputado Eduardo Barbosa (PSDB-MG) pediu a palavra para anunciar aos presentes no plenário o teor do anúncio de Temer. Houve aplausos de alguns parlamentares.

"O Brasil é uma federação, senhoras e senhores deputados", disse o deputado Júlio Lopes (PP-RJ). "Vai remeter os trabalhadores do estado para as assembleias legislativas, vocês não perceberam o jogo", afirmou o deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP), contrário à reforma da Previdência.


O Globo

Eixo Norte tem licitação concluída e obras serão reiniciadas

Ministro Helder Barbalho garante “operação de guerra” pela conclusão da obra, disse o senador Cássio.
Foi realizada na noite da última terça-feira (21), reunião no Ministério da Integração Nacional para ouvir do ministro Helder Barbalho as mais recentes informações referentes à licitação do trecho paralisado do Eixo Norte da Transposição, que beneficia diretamente os estados da Paraíba, Ceará e Rio Grande do Norte.

Estados representados - Durante reunião os senadores Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), José Maranhão (PMDB-PB); Raimundo Lira (PMDB-PB), Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN), José Pimentel (PT-CE) e José Agripino (DEM-RN) receberam a confirmação do ministro de que a parte formal da licitação para executar as obras do Eixo Norte da transposição do rio São Francisco foi concluída, tendo apenas que ser aguardada a conclusão dos prazos legais para recursos, caso alguma empresa não concorde com o resultado.

“O ministro Helder Barbalho deixou claro que caso ocorra a judicialização do processo licitatório, irá garantir o reinício do trecho paralisado de maneira emergencial, de modo que tenhamos a conclusão da obra em dezembro deste ano”, afirmou o senador, Cássio Cunha Lima.

OPERAÇÃO DE GUERRA - Ainda conforme o senador Cássio, a determinação do governo federal é que as obras sejam reiniciadas nos próximos dias e que, em agosto, o reservatório de Jati, no Ceará,  já receberá água e a bacia do rio Piranhas em dezembro deste ano. "O ministro Helder tem sido um incansável batalhador pela transposição e chegou a falar que, a partir do reinício das obras, o Ministério fará uma verdadeira operação de guerra (do bem), como foi feita no Eixo Leste para concluir as obras até dezembro" - explicou Cássio.



Assessoria

terça-feira, 21 de março de 2017

Gás de cozinha fica mais caro a partir desta terça

O preço do gás de cozinha deve ficar em média R$ 4.00 mais caro a partir desta terça-feira (21), graças ao reajuste de 9,8% autorizado pela Petrobrás. 

O produto, que custava entre R$ 47 e R$ 52, já pode ser encontrado beirando os R$ 60, explica o presidente do Sindicato dos Revendedores de Gás de Cozinha da Paraíba (Sinregás), Marcos Antônio.

“A partir de hoje os produtos já serão vendidos com o novo valor. O aumento deve ser em média de R$ 4, mas pode ser encontrado mais caro ou mais barato, dependendo da empresa. 

Vale salientar que esse aumento veio da Petrobrás, a revendedora já recebe o produto com o valor alterado e precisa repassar ao consumidor”, disse.


Ascom

segunda-feira, 20 de março de 2017

Deputado Inácio participa de encontro com lideranças da oposições de Vieirópolis e Lastro e pede união

Na manhã do último sábado (18), aconteceu na fazenda da ex-vereadora Eva Pires, um grande encontro de lideranças politicas com o deputado estadual Inácio Falcão (PTdoB), para discutir ações para o Município de Vieirópolis.

Estavam presentes, o ex-candidato a prefeito, Professor Julierme, a ex-candidata a vice-prefeita, Kamila Marcolino, candidatos a vereadores da última eleição, lideranças comunitárias, o líder politico, Tavares Sobrinho, o Vereador Antônio Filho do Município de Lastro, para uma conversa com o deputado Inácio Falcão, que apresentou um pouco de sua história e, firmou compromisso de formar força com as oposições de Vieirópolis e Lastro.

A ex-vereadora Eva Pires falou que enquanto ela viver, não abandonaria a oposição de Vieiróplis e, que iria fiscalizar as ações do prefeito "Célio da Usina" e, aquilo que for encontrado de irregularidade, denunciaria aos órgãos competentes para as providências cabíveis.

O deputado Inácio Falcão se encontrava acompanhado do articulador politico, Fábio Braga, do chefe de gabinete, Marcondes, aonde foram recebidos pelas lideranças em um café da manhã, promovido pela ex-vereadora Eva Pires em sua fazenda no Município de Vieirópolis.

Inácio disse que chegava ao grupo para somar, e que as ações do seu gabinete já estavam em Veirópolis e no Lastro com perfurações de poços artesianos em várias comunidades rurais, e que nos próximos dias, outras localidades seriam beneficiados com perfurações de poços, e outras ações de demanda que já foram encaminhadas ao seu gabinete pelas lideranças politícas da oposição daquela duas cidades.

O deputado Inácio fez ver a unidade do grupo que poderá crescer bastante no município e, que todos trabalhassem empenhados no proposito de acrescentar mais admiradores para que em futuro próximo possa despontar neste grupo um nome para a disputa a prefeito em 2020.

Dra. Eva Pires frisou que neste primeiro momento é fiscalizar as ações do prefeito "Célio da Usina", pesando na reeleição do deputado Inácio Falcão, depois os olhos voltarão para 2020 com um nome forte capaz de unir todas as oposições e disputar a eleição contra o atual prefeito. “Todos estamos unidos em um só propósito que é na defesa dos interesses do Município de Vieirópolis”, comentou a ex-vereadora Eva.

O deputado Inácio Falcão, agradeceu o comparecimento de todos, e confirmou que as portas do seu gabinete na Assembleia Legislativa estavam sempre abertas para trabalhar pelos municípios de Vieirópolis e Lastro, podendo essas lideranças contarem com seu apoio político nas decisões locais. “Quem me conhece sabe disto: a minha palavra é cumprida”, finalizou.


Fonte: Repórter PB