.

.

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Suspeito de atropelar e matar agente em blitz será interrogado nesta terça na Central de Polícia

O suspeito de atropelar e matar o agente de trânsito Diogo Nascimento irá se apresentar à Delegacia de Crimes Contra a Pessoa, a Homicídios, nesta terça-feira (24), às 10hs00, na Central de Polícia, no bairro do Geisel em João Pessoa.
O suspeito, Rodolpho Carlos da Silva, atropelou o agente na madrugada do último sábado (21), durante uma blitz da Lei Seca, no bairro do Bessa. Ele fugiu do local e pode responder pelo crime de homicídio doloso qualificado, quando se há intenção de matar.
O habeas corpus, concedido pelo desembargador Joás de Brito, na madruga do último domingo (22), tem validade até as 3hs00 da próxima quarta-feira (25). Caso, o suspeito não compareça na Central, um novo pedido de prisão preventiva poderá ser apresentado pela Polícia Civil.
O agente não resistiu à gravidade dos ferimentos que sofreu e faleceu no início da noite do domingo (22) no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, onde estava internado desde a madrugada do sábado (21), quando foi atropelado.
Rodolpho Carlos conduzia um veículo da marca Porsche, de placas: PXB-0909, registrado em nome de Ricardo de Oliveira Carlos da Silva, seu pai e empresário paraibano do ramo automobilístico.
maispb