.

.

quinta-feira, 16 de junho de 2016

Apenas 13 municípios da Paraíba possuem médicos anestesistas residentes alerta deputado Zé Aldemir

Um problema que pode custar uma vida. Dos 223 municípios paraibanos, apenas 13 possuem médicos anestesistas residindo nas cidades, alerta o médico e deputado estadual José Aldemir (PP). 

Segundo o parlamentar, o dado revela um cenário preocupante. “A ausência desses profissionais no interior do Estado e a consequente precariedade nos serviços oferecidos pelos centros de saúde acabam por prejudicar os paraibanos, que podem acabar pagando com a própria vida”, disse.

Ainda segundo o deputado, um exemplo simples de como este problema tem implicações na prática é a concentração de cirurgias nas principais cidades do Estado, gerando longas filas de espera e até mesmo a realização de cesarianas em municípios distantes de onde a gestante reside. 

Recentemente, a dona de casa Mariana da Silva Santos precisou se deslocar de Puxinanã para Campina Grande para poder realizar a cesariana de seu filho. “Tive que ir para Campina porque na minha cidade não tem anestesista. O deslocamento foi muito ruim porque estava com dores e com medo de ter algum problema com o meu bebê. Se tivesse um médico na cidade, todo esse transtorno poderia ser evitado”, desabafa.

O deputado garantiu que levará o tema ao plenário da Assembleia Legislativa e cobrará com urgência as medidas necessárias para a solução do problema.

Assessoria