.

.

sábado, 10 de outubro de 2015

PMDB anuncia Nadja e Vituriano na legenda e adere ao Outubro Rosa

O PMDB da Paraíba aderiu na última sexta-feira (9), à campanha mundial do Outubro Rosa, que chama a atenção para prevenção do câncer de mama. A adesão aconteceu na sede do partido e contou a participação do presidente estadual do partido, senador José Maranhão; do presidente do diretório de João Pessoa, deputado federal Manoel Junior e da deputada estadual, Olenka Maranhão. Na ocasião, também se filiaram ao PMDB o ex-deputado Vituriano de Abreu e a ex-deputada Nadja Palitot.


Maranhão destacou ainda o papel que os novos filiados, Vituriano de Abreu e Nadja Palitot, tem junto a sociedade e a chegada deles ao partido engrandece ainda mais a legenda.

O deputado federal Manoel Junior disse que a presença de Nadja no PMDB está deixando muita gente com "dor de cotovelo”.

A deputada estadual, Olenka Maranhão, também enfatizou a importância das novas filiações lembrando a parceria que desenvolveu com Nadja Palitot na Assembleia na Legislatura passada e revelando que sempre comentou com José Maranhão, a qualidade do mandato de Vituriano.

A ex-vereadora e ex-deputada estadual, Nadja Palitot, falou a satisfação em estar ingressando no PMDB e que seu sentimento é que já estava ficando tarde para sua entrada no partido. “Em várias lutas pela cidade de João Pessoa e pelo estado da Paraíba, nós já lutamos juntos”.

Por fim, Nadja se dirigiu ao deputado federal Manoel Junior como futuro prefeito de João Pessoa e disse que não vai medir esforços para que isso se torne realidade. “A luta não vai ser fácil, mas tenho certeza que vamos fazer o futuro prefeito de João Pessoa, o deputado federal, Manoel Junior”.

Num discurso muito forte, Vituriano clamou por uma mudança na política brasileira, começando pelo eleitor, que precisa voltar a votar pelos serviços prestados dos candidatos, e não em troca de dinheiro. “É difícil fazer política de forma correta nos dias de hoje, eu sei o que Maranhão sofre por só fazer o que é certo. O bom de voltar para casa é que você conhece todos os compartimentos e é esse meu sentimento hoje”.

Correio