.

.

sábado, 8 de agosto de 2015

Organizações criam rede para debater a geração de trabalho e renda

Rede Ser Tão Paraibano/a está desenvolvendo mais uma atividade que acontecerá ainda neste mês na Capital paraibana

Nós últimos anos, diversas Políticas Públicas foram implantadas visando à geração de trabalho e renda como mecanismo de inclusão social das populações e grupos socialmente vulneráveis. Com o objetivo de identificar, e implementar estratégias que contribuam para implantação, e o controle social dessas ações, foi criada, em 2009, a Rede Ser Tão Paraibano/a, formado por cinco organizações da sociedade civil que atuam na Paraíba.

A Rede é composta pela Amazona - Associação de Prevenção à Aids, ESSOR -  Associação de Solidariedade Internacional, Ação Social Diocesana de Patos (ASDP), Centro de Educação Integral Margarida Pereira da Silva (Cemar), e Centro Semear. “Somos (a Rede) um ator autônomo, solidário, sem vínculos políticos, partidários e religiosos, pautamos os valores da democracia, cooperação, reciprocidade, respeito à diversidade, ao meio ambiente, além da justiça social, equidade, transparência e ética”, explicou o Frédéric Barbotin, representante legal e coordenador da ESSOR no Brasil.

Desde a sua criação, a Rede Ser Tão Paraibano/a desenvolve atividades que promovem os direitos sociais, políticos, culturais e ambientais, focando nos direitos econômicos das populações e grupos socialmente vulneráveis. Viviane Alves Machado, coordenadora de Projetos da Amazona, destacou algumas ações executadas na Paraíba: “Já foram feitas três edições do ‘Diálogo da Cooperação’, a ‘Feira de Economia Solidária’ na cidade de Pombal, ‘Balcão de Formação e Emprego Itinerante’, ‘ Encontros de formação com Organizações Sociais de Base’, encontros sobre empreendedorismo, e reuniões em diversos municípios. Atuamos também na capacitação e orientação para a inserção de pessoas no mercado do trabalho”.

Ainda no mês de agosto, mais uma atividade será realizada com foco no “trabalho e renda”. “Estamos nos últimos preparativos de um importante evento, que contará com a presença de representantes do Governo Federal, Estadual, sindicatos, movimentos sociais, entre outros”, afirmou Frédéric Barbotin.


A Rede Ser Tão Paraibano/a está nas Redes Sociais, e todas os projetos podem ser acompanhados através do Facebook ( www.facebook.com/pages/Rede-Ser-Tão-Paraibanoa).

Ascom