.

.

quinta-feira, 3 de março de 2016

Mídia e Violência é tema de seminário em João Pessoa

Nos dias 17 e 18 de março de 2016, João Pessoa sediará o Seminário ‘Mídia e Violência – Ações para a Cidadania’, promovido pelo Fórum Metropolitano de Discussão e Diálogo de Prevenção e Monitoramento de Violências. O objetivo do evento é debater com os profissionais da comunicação, estudantes e sociedade em geral, os reflexos da relação mídia x violência na região metropolitana da capital da Paraíba.

O seminário ocorrerá no auditório da reitoria da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e terá entre os palestrantes e debatedores, representantes da Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão (Brasília), Ministério Público Federal na Paraíba, Defensoria Pública da União, Ministério Público da Paraíba, Fórum Interinstitucional pelo Direito à Comunicação (São Paulo), Associação Brasileira de Imprensa (Rio de Janeiro), Agência de Notícias dos Direitos da Infância (Brasília), Universidade Federal do Espírito Santo, UFPB, Centro de Direitos Humanos Dom Oscar Romero (Santa Rita) e Sindicato dos Jornalistas da Paraíba.

Na abertura do seminário será lançado o Observatório da Mídia na Paraíba que fará monitoramento da mídia com o objetivo de verificar violações aos direitos humanos.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no dia do evento. Haverá certificado de participação.

O seminário é uma das ações do Grupo de Trabalho Mídia, Violência e Direitos Humanos, criado no âmbito do Fórum Metropolitano para conjugar esforços e priorizar ações que viabilizem o fortalecimento de valores centrais e sociais e mudança de atitude coletiva para elevação dos níveis da segurança humana na região metropolitana da capital do estado.

Fórum – Lançado em João Pessoa, em 19 de novembro de 2015, o Fórum Metropolitano de Discussão e Diálogo de Prevenção e Monitoramento de Violências é fruto de mais de um ano de diálogos entre diversos órgãos e entidades. O fórum é parte do projeto de trabalho constituído a partir das investigações do Inquérito Civil nº 1.24.000.002944/2014-38 que tramita na Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão, órgão do Ministério Público Federal na Paraíba, e que tem por objetivo investigar os motivos ensejadores do grande número de homicídios no estado, sobretudo entre jovens, e efetivar soluções de forma integrada entre os entes federativos.


Assessoria de Comunicação
Procuradoria da República na Paraíba