.

.

sábado, 21 de maio de 2016

Engenheiro civil atropela e mata jovem na PB-393 em Cajazeiras, na tarde deste sábado (21)

Uma colisão entre um carro e uma moto acabou matando o jovem Flávio Pereira da Silva, de 23 anos, morador do Bairro Vila Nova - Zona Leste de Cajazeiras. Deixando ainda, sua mãe bastante ferida, a popular Maria Lilian Bernardo da Silva.

O fato ocorreu na tarde deste sábado (21) por volta das 16:00 na PB-393 em Cajazeiras, quando o condutor da motocicleta retornava da residência da avó, no Sítio Pereiro, sendo o mesmo e a sua genitora atingidos violentamente pelo Chevrolet/Cruze na traseira da moto, Yamaha Factor, de cor preta.
O veículo que atropelou e matou Fávio, era guiado pelo engenheiro civil  José Gomes de Abreu Sobrinho, conhecido por “Jotinha Gomes” que foi detido pela Polícia Militar cerca de dois quilômetros do local. “Jotinha” foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, para prestar esclarecimentos e realizar o teste de etilometro, porém, o mesmo se negou fazê-lo. De acordo com policiais do 5º Batalhão de Trânsito de Cajazeiras, o motorista do Cruze, cor azul, placas: QFF-6110, inscrição de João Pessoa/PB, estava com visíveis sintomas de embriaguez alcoólica.
A frente do carro ficou totalmente destroçada. O corpo do rapaz foi encaminhado para o IML de Patos, para realização de exames cadavéricos. Moradores da Vila Nova estão consternados com o falecimento de Flávio. De acordo com informações ventiladas na imprensa local, após ser ouvido, o acusado foi encaminhado ao Presídio Regional de Cajazeiras, e permanecerá à disposição da Justiça.

Da redação
Com Ângelo Lima