.

.

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

6º BPM conclui operação de segurança no Carnaval/2015 com êxito e emite dados. Leia!

Foi realizado na cidade de Cajazeiras/PB no período de (13) a (17) de fevereiro de 2015, mais uma versão do “CARNAVAL”, no Bairro Agrovila (antigo Aeroporto), na Praça dos Blocos (Praça Major José Marques Galvão) e na Praça do Frevo (Praça da Prefeitura).

No Corredor da Folia, localizado na Agrovila, o local amplo, com grande capacidade de público e ainda com grandes atrações de renome nacional, como Garota Safada, Wesley Safadão, Solteirões Elétrico, Capilé, Latino, dentre outras, contribuiu para que aproximadamente mais de 180.000 (cento e oitenta mil) pessoas por lá passassem ao longo dos 04 (quatro) dias do evento, que foi marcado pela tranquilidade e segurança, graças aos esforços conjuntos dos órgãos de segurança Federais, Estaduais e Municipais, tendo dentre eles se destacado o 6º BPM, com um numeroso efetivo de Oficiais e Praças.

Segundo o Tenente-Coronel Cunha Rolim, diversas modalidades de policiamento ostensivo foram realizadas: a pé, motorizado, Radiopatrulha, Força Tática, ROTAM, Patrulha Rural, além do Serviço de Inteligência realizando o trabalho investigativo, BOPE e BPTran.

Este forte esquema de segurança foi assim empregado:

Utilização dos grupos especializados da FORÇA TÁTICA e ROTAM, com o apoio do Efetivo do BOPE (Batalhão de Operações Especiais) e Canil, os quais foram devidamente treinados para essa modalidade de policiamento, realizando abordagens a indivíduos suspeitos no perímetro da festa, com objetivo de coibir furtos e outros delitos nas mediações do local do evento;

Emprego de viaturas nas vias de acesso ao Carnaval (Margens da BR-230 e PB-400) em conjunto com a 5ª Cia de Trânsito, SCTrans e Polícia Rodoviária Federal, na realização de abordagens a veículos, pessoas e controle do trânsito, prevenindo acidentes e principalmente fiscalizando a implantação da “Lei Seca”, o que contribuiu para a tranquilidade não sendo registrado acidente com vitimas graves.

Emprego de viaturas para condução de indivíduos detidos durante a festa, sem a interrupção do serviço normal de radio patrulhamento prestado a sociedade;

A área da festa foi dividida em 03 (sete) setores: 1 – Área dos Camarotes; 2- Área das Barracas; e 3 – Periferia da Festa, onde foi feita a distribuição racional de todo o efetivo;

Instalação de 08 (oito) Plataformas de Observação Policial (POP)s na área da festa, que serviram como pontos de observação, melhorando a ostensividade, facilitando a visualização e a intervenção por parte da PM nas ocorrências, além de servir de referência para os foliões na iminência do emprego da tropa;

Foram confeccionados e distribuídos 10.000 panfletos com dicas de segurança e orientações para os foliões;

Aumento do efetivo empregado diariamente, além do policiamento da sede da OPM e Companhias isoladas, foi solicitado um reforço extra junto ao Comando do Policiamento Regional II, o que contribuiu para que fossem empregados diariamente 150 policiais na praça do evento.

Com o aumento do efetivo utilizado no corredor da folia e nos locais dos eventos, o serviço de rádio patrulhamento foi realizado sem solução de continuidade.
Nas principais rodovias de acesso a Cajazeiras, em conjunto com a 5ª Cia de Trânsito do BPTran, SCTrans e Polícia Rodoviária Federal, foram montadas barreiras policiais e a realização de blitzen com fiscalização de veículos e condutores em situação irregular, inclusive com o uso de bafômetros, contribuindo com a redução no número de acidentes.

Como resultado desse trabalho e com um maior esforço por parte do efetivo, não foi registrada nenhuma ocorrência de destaque, tais como: homicídio, tentativa de homicídio, lesão corporal grave, porte de arma de fogo, tráfico de entorpecentes (cocaína, maconha, etc..), acidentes com vítimas fatais, dentre outras, resultado do empenho e dedicação de todos que fazem parte do 6º BPM e ainda a fiscalização intensa e da realização de blitzen inopinadas diuturnamente.


Ascom/6ºBPM