.

.

terça-feira, 15 de novembro de 2016

SINFUMC – A realidade crítica das matriculas no Ensino Fundamental em Cajazeiras ao longo do tempo

“A REALIDADE CRÍTICA DAS MATRÍCULAS NO ENSINO FUNDAMENTAL EM CAJAZEIRAS AO LONGO DO TEMPO”.

Ano 2006, matriculados 8.838 cidadãos/alunos
Ano 2007, matriculados 7.275 alunos/as
Ano 2008, matriculados 6.550 educandos
Ano 2009, matriculados 6.948 cidadãos
Ano 2010, matriculados 6.742 estudantes
Ano 2011, matriculados 6.485 crianças e adolescentes
Ano 2012, matriculados 6.064 alunos 
Ano 2013, matriculados 6.665 alunos
Ano 2014, matriculados 5.783 adolescentes e crianças 
Ano 2015, matriculados 5.715 jovens estudantes
Ano 2016, matriculados 5.491 alunos buscando o conhecimento.

Por outro lado, está em evidência desde o dia 15 de junho de 2015, após aprovação por treze vereadores do parlamento municipal, Casa Otacílo Jurema e em seguida sancionado pela atual prefeita, o nosso Plano Municipal de Educação com validade até o ano 2025. Nele consta que até aquela data, éramos 437 professoras e professores. Pois bem, se dividirmos pelo número de alunos matriculados até então, teremos 12,56 alunos/as para cada trabalhador em educação. Situação crítica para o próximo ano letivo que se aproxima.

Portanto, você que trabalha com Educação Infantil, Fundamental I e II, Educação de Jovens e Adultos, Educação Especial, Educação do Campo e Creche, fique atento para não perder essa importante matéria - prima que são seus alunos/as. Caso contrário, o poder público poderá colocá-lo na situação implícita no artigo 41 parágrafo 3º da CF/88!  

Igualmente, não é de hoje, que o sindicato alerta o poder público municipal, no sentido de se empenhar cada vem mais, buscando inovar para poder atrair alunos/as, que ao invés de estar matriculados no Sistema Municipal de Ensino, optam ou são forçados a fazerem suas matriculas nas escolas da rede estadual e até mesmo nas particulares, por falta de atrativos no ensino público municipal. Isto é, escolas que sua estrutura se choca com normas estabelecidas na ABNT - Associação Brasileira de Normas e Técnicas. Exemplos: Em qualquer lugar se coloca os livros para pesquisa e apelidam de Biblioteca. Em várias escolas não há pelos menos um metro e vinte centímetro quadrado para cada aluno em sala de aula. De todo jeito se constrói a cantina escolar, em alguns casos - ficam impossíveis quatro funcionárias, transitar no espaço denominado de cantina. Não existe um local adequado para servir a merenda aos educandos na hora do recreio, um refeitório. Não há na maioria das unidades de ensino um lugar adequado para as aulas práticas de educação física e prática esportiva. Tem escola que na sala dos professores não há espaço para uma reunião com meia dúzia de profissionais, sentados adequadamente.  O fardamento escolar só chega às escolas no mês de agosto de cada ano, fato repetido por vários gestores. Diante dessa problemática o sindicato pergunta. Em que área do município de Cajazeiras, foram edificadas as escolas modelo?

Salienta o SINFUMC, que há no quadro do magistério quase 80% por cento de professoras e professores com Pós-Graduação, nas diversas áreas do saber científico.

Cajazeiras/PB, 15 de Novembro de 2016.

A DIRETORIA DO SINFUMC