...

...

domingo, 30 de abril de 2017

Cássio opta por Luciano, pré-candidato ao Governo da Aliança

A aparição do senador Cássio Cunha Lima com o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, na cidade de Riachão, em pleno sábado, pareceu sacramento de que o chefe do Executivo pessoense é o preferido da Aliança para a disputa de Governo em 2018. Some-se a isso, a agenda permanente que o PSDB, via Ruy Carneiro, vem fazendo com LC há semanas.

Cássio reproduz em 2017 o que fizera em 2010 quando resolveu apoiar a candidatura do então ex-prefeito da Capital, Ricardo Coutinho. Nesse processo, é indiscutível a contribuição dada pelo Tucano à vitória derrotando José Maranhão.

Mas, os dados e circunstâncias de hoje são diferentes.

NOVA CONJUNTURAAo aceitar o apoio de Cássio, Luciano Cartaxo passa a ter perspectiva de ver seu nome espraiado por todo o Estado sabendo ele, LC, que seu nome ainda não tem o espectro estadual consolidado, que certamente trabalha para sê-lo.

Neste sentido, os apoios de Cássio e José Maranhão são fundamentais para o projeto 2018.

O que todos precisam admitir é que a conjuntura federal afetará fortemente o processo sucessório, quer no componente de aparelhamento das máquinas federal, João Pessoa e Campina, quer, sobretudo, no conceito popular dos líderes pelo que representam no contexto.

EFEITO LAVA JATOEste é o maior dos desconfortos de Cássio, principalmente, por ter seu nome citado na Lava Jato. Os próximos tempos serão decisivos diante do estrago conceitual feito porque se não se explicar como jura faze-lo no desenrolar dos meses, se não fizer isso criará nódoa ameaçadora até à sua reeleição.

E tudo isto respingará em Luciano, mesmo com aprovação na Capital, levando ainda em conta sua identidade de vínculo agora com o Centro e Direita - diferente de antes.

Trocando em miúdos, só resta esperar o desfecho de tudo isso.
Agora, sem dúvidas, Luciano Cartaxo é o preferido para ser o candidato ao Governo pela Aliança.

UMAS & OUTRAS - ...O deputado federal Hugo Motta encabeçará uma bandeira de luta, a partir do decorrer da semana com perspectiva de muita repercussão positiva para o seu mandato.

...No plano federal, Wilson Filho de mantém como coordenador da Bancada na Câmara Federal é o senador José Maranhão no Senado.

 ...Cássio lançou o nome de Maranhão pensando em reversão da condição de Wilson Filho, mas nada alterou em favor do deputado do PTB.

...O fato é que Benjamim Maranhão não é mais o coordenador da Bancada.

...Esta nova realidade permite que o Governo Ricardo tenha Emenda dá bancada em 2018.

...Repercute muito artigo do professor Damião Ramos Cavalcanti sobre a tese de postura de magistrados quando diante de relações e parentescos.

...Ponderado, o artigo é um petardo no desempenho de Gilmar Mendes, Sérgio Moro, etc ao atuarem com parcialidade.

 ÚLTIMA"Onde houver dúvidas/ que eu leve a Fé".


Por Walter Santos